A Estrada para o Ultimato | Capítulo 19 – Vingadores: Guerra Infinita

A Estrada para o Ultimato | Capítulo 19 – Vingadores: Guerra Infinita

Thanos chegou. O fim da Saga do Infinito do Universo Cinematográfico Marvel começa aqui. Os heróis da Marvel, depois de dez anos de histórias, enfrentam pela primeira vez um ser detentor de diversas Joias do Infinito, possuidor da Manopla do Infinito, capaz de passar por cima de tudo e de todos para conquistar o seu objetivo: dizimar metade da população do universo. Todo o trabalho da Marvel Studios durante todo esse tempo culmina nessa epopeia fantástica, que não poupa em emoção, ação e muito menos em epicidade. É a primeira parte do derradeiro adeus. É o início da última curva d’A Estrada para o Ultimato.

Originalmente anunciado em outubro de 2014 como Vingadores: Guerra Infinita – Parte 1, sendo Vingadores: Ultimato a segunda parte da história com o nome original de Vingadores: Guerra Infinita – Parte 2, o filme prometeu levar aos cinemas o conceito-base da trilogia de minisséries de quadrinhos Manopla do Infinito (1991), Guerra Infinita (1992) e Cruzada Infinita (1993), escritas por Jim Starlin, além de adicionar elementos de Infinito (2013) de Jonathan Hickman, considerado um dos maiores quadrinistas da atualidade. Cinco das seis Joias do Infinito, parte central da história contada aqui, foram introduzidas aos poucos no MCU, restando a Vingadores: Guerra Infinita apresentar apenas a Joia da Alma e fechar o arco do encontro das seis Joias.

A primeira delas, a Joia do Espaço, foi apresentada dentro do Tesseract já no quarto filme desse universo, na cena pós-créditos de Thor (2011). A segunda, seguindo a linha cronológica de lançamento dos filmes, foi a Joia da Realidade, produto do Éter, elemento central da trama de Thor: O Mundo Sombrio (2013). A terceira também foi elemento central da trama do filme em que foi introduzida, a Joia do Poder, guardada no Orbe em Guardiões da Galáxia (2014), primeiro filme em que o termo “Joia do Infinito” é utilizado. A quarta, a Joia da Mente, estava o tempo todo no cetro do Loki em Os Vingadores (2012) mas só foi revelada de fato em Vingadores: Era de Ultron (2015) com o nascimento do Visão. E a quinta, a Joia do Tempo, ajudou Stephen Strange em Doutor Estranho (2016) a derrotar Dormammu.

Além de finalmente reunir as Joias do Infinito, o filme marca o retorno ao MCU dos irmãos Joe e Anthony Russo, diretores que produziram Capitão América: O Soldado Invernal e Capitão América: Guerra Civil, e estavam naquele momento dando um belo salto e estreando na franquia Vingadores. Apesar dos irmãos já terem tido a experiência de dirigir diversos heróis juntos em Guerra Civil, Vingadores: Guerra Infinita adiciona dezenas de novos personagens, incluindo os Guardiões da Galáxia, ao lado dos Vingadores no front de combate, algo de fato nunca visto antes na história do cinema.

Depois de conseguir capturar a Joia do Poder no planeta Xandar, Thanos, o Titã Louco, intercepta a nave de Thor que levava toda a população de Asgard que havia restado após o ataque de Hela ao planeta, visto em Thor: Ragnarok. O Titã dizima os asgardianos e consegue pegar para si a Joia do Espaço, que estava sob a tutela de Loki. Para alertar os humanos sobre os planos de Thanos, Heimdall envia o Hulk para a Terra como seu último ato vivo, enquanto o vilão explode a nave por completo deixando Thor à deriva no espaço. Chegando à Terra, Bruce Banner cai diretamente no sanctum sanctorum vigiado pelo Doutor Estranho, que vai até Tony Stark para pedir ajudar e tentar contactar os demais Vingadores que estão exilados devido aos acontecimentos de Capitão América: Guerra Civil.

Porém, antes mesmo de Tony entrar em contato com outros Vingadores, a nave de Thanos chega ao nosso planeta, enviando dois de seus discípulos para Nova York para roubar a Joia do Tempo de Stephen Strange. Stark, Strange e Wong lutam contra os discípulos com a ajuda de Peter Parker, que soube da chegada da nave de Thanos graças ao Sentido Aranha, mas sem o auxílio de Bruce Banner, que não consegue mais se transformar no Hulk depois do massacre sofrido na luta contra o Titã na nave asgardiana.

Enquanto isso, do outro lado do universo, os Guardiões da Galáxia encontram o corpo de Thor e o interrogam. Thor conta o que Thanos fez com sua nave e seu povo e revela os planos do vilão, assumindo que naquele momento ele estaria em direção a Lugarnenhum para roubar a Joia da Realidade, que está com o Colecionador desde os eventos de Thor: O Mundo Sombrio. Os Guardiões seguem para Lugarnenhum, com exceção de Rocket e Groot que decidem acompanhar Thor em sua ida a Nidavellir para conseguir encontrar uma arma capaz de destruir Thanos, já que o Deus do Trovão teve seu martelo destruído por Hela em Thor: Ragnarok.

Na Terra, os dois discípulos do Titã conseguem sequestrar Strange portando o Olho de Agamotto, artefato que contém a Joia do Tempo, porém Stark e Parker se infiltram na nave para tentar resgatar Strange. Do outro lado do mundo, o Capitão América recebe uma ligação de Bruce Banner e vai até a Escócia com o Falcão e a Viúva Negra para garantir a segurança do Visão, que porta a Joia da Mente, e da Feiticeira Escarlate. Chegando lá, Visão e Wanda estão sob ataque de outros dois discípulos de Thanos, mas felizmente a equipe de Steve Rogers consegue resgatá-los e levá-los em segurança para o quartel-general dos Vingadores.

Ao aterrissar em Lugarnenhum, os Guardiões da Galáxia se deparam com Thanos já sob posse da Joia da Realidade, que o ajuda a levar Gamora, sua filha, como refém. Juntos, pai e filha vão ao planeta Vormir e encontram com o Caveira Vermelha, que se tornou o guardião da Joia da Alma depois dos eventos de Capitão América: O Primeiro Vingador. O Caveira explica ao Thanos que, para obter a Joia da Alma, é necessário que o Titã sacrifique alguém que ele ama. Gamora é lançada do alto de um precipício e Thanos assume o controle de mais uma Joia do Infinito.

Ao retornar a Titã, seu planeta natal, Thanos é confrontado por sua outra filha, Nebulosa, junto ao Doutor Estranho, Homem-Aranha, Homem de Ferro e os Guardiões da Galáxia. Apesar da tentativa de tirar a Manopla do Infinito da mão do vilão, o grupo não obtém sucesso e o Doutor Estranho não vê alternativa senão dar a Joia do Tempo para Thanos para que ele poupe a vida de Tony Stark. Em um primeiro momento parece loucura, mas em uma de suas visões de possíveis futuros, o único futuro em que eles conseguem deter Thanos, é um futuro com o Homem de Ferro.

Agora com cinco das seis Joias do Infinito em sua Manopla, Thanos volta à Terra, mais especificamente para Wakanda, país de tecnologia avançada apresentado em Pantera Negra, onde T’Challa e seus amigos tentam remover a Joia da Mente de Visão enquanto os Vingadores que ainda restaram lutam contra os discípulos de Thanos para proteger o Visão. É a batalha final antes do Titã Louco assumir o controle de todas as joias e, com um estalar de dedos, acabar com metade da vida inteligente em nosso universo.

Assim como Pantera Negra, Vingadores: Guerra Infinita deixa de lado a face otimista dos filmes da Marvel Studios e segue a jornada visceral de Thanos, sem escrúpulos, sem atalhos e sem pudor. Não importa o que os Vingadores ou os Guardiões fizessem, o poder já estava em suas mãos, era apenas questão de tempo para que ele adquirisse todas as joias. Os personagens sabem disso e, o mais importante, o espectador sabe disso desde o princípio.

Um personagem como Thanos, que foi desenvolvido durante anos com aparições em cenas pós-créditos e curtas aparições em filmes, chegaria ao centro do Universo Cinematográfico Marvel apenas para comprovar o que todos sabem que ele é capaz. Não há final feliz, não há redenção. A verdade nua e crua bate à porta dos Vingadores e leva metade deles ao pó. Não há força superior, não há um deus ou deuses para corrigir os rumos dessa catástrofe. Resta aos sobreviventes e aos espectadores apenas o gosto amargo do luto.

Ninguém disse que A Estrada para o Ultimato seria perfeita. Infelizmente, Thanos criou nela um pedágio e metade dos que tentaram passar tiveram que pagar com a própria vida.

A Estrada para o Ultimato volta amanhã com Homem-Formiga e a Vespa.


Siga nossas redes sociais: FacebookInstagramTwitter YouTube.

Compartilhe