Review | Aggretsuko

Review | Aggretsuko

Retsuko, 25 anos e solteira. Escorpião, sangue tipo A, trabalha na contabilidade e possui uma vida sem muitas emoções ou amigos, a não ser pelo seu passatempo de cantar death metal para extravasar todas as suas frustrações! Nada disso seria surpreendente se não fosse pelo fato de ela fazer parte do hall de personagens da Sanrio (detentora dos direitos de Hello Kitty, Chococat, Pompompurin e demais outros). Como a maioria dos personagens da empresa, Aggretsuko foi baseada em um animal, no caso um panda vermelho, mas com características antropomórficas e uma aparência fofinha.

Já sabemos que a Netflix está buscando investir em títulos orientais para o seu catálogo, e Aggretsuko foi uma das suas mais recentes adições que chamaram a atenção. Lançada no dia 20 de abril, em 10 episódios com 15 minutos de duração em média, Aggretsuko fez um sucesso absurdo na internet, originando piadas, fanarts e até mesmo cosplays. O que parece ter cativado o público, além dos personagens fofos e carismáticos, foi a maneira como a animação se desenvolve. Um slice of life que fornece uma crítica ao mundo corporativista japonês ao mesmo tempo que diverte com as situações vividas por Retsuko e seus companheiros, será fácil se ver em Retsuko enquanto ela vai para o trabalho apertada no metrô lotado, precisa fazer a social com os colegas de trabalho, divide suas preocupações com os colegas mais próximos e descarrega suas frustrações e estresse em seu hobby principal no karaokê mais próximo.

Com esse assunto moderno e fácil de se relacionar somado à personagens cativantes, o tempo de duração dos episódios também ajuda a tornar Aggretsuko ainda mais agradável de assistir. Maratonar a animação é algo que pode ser feito de forma casual e em pouco tempo, antes mesmo que você perceba, terá terminado os episódios e estará se perguntando “…ué, só isso?” e não se preocupe, você não é o único.

O foco em Aggretsuko não fica só na protagonista; os personagens secundários também tem destaque e cada um conta com uma personalidade mais específica, o que fica mais evidente quando estão interagindo uns com os outros. Alguns estereótipos de ambientes de trabalho estão ali, como a mulher que paquera os colegas de trabalho e/ou o chefe, a colega de trabalho fofoqueira, a chefe folgada que assusta os empregados, o chefe machista e preguiçoso, o puxa-saco do chefe…

Por fim, a dublagem brasileira da animação é extremamente talentosa; na minha opinião, melhor do que a americana. A voz de Retsuko ficou a cargo de Agatha Paulita, irmã da também dubladora Flora Paulita, cuja voz você pode reconhecer de trabalhos como Violetta, uma das novelas mais rentáveis de produção do Disney Channel. Outros grandes nomes da dublagem de Aggretsuko ficam por conta de Francisco Júnior, o Supervisor Porcão (também a voz brasileira do herói Falcão do Universo Cinematográfico da Marvel) e Michelle Giudice, que dublou Tsunoda e um de seus trabalhos mais recentes foi como Serena, do anime de Pokémon XY. O ponto fraco da dublagem brasileira foi o fato das cenas com death metal não terem sido adaptadas para o português, tendo sido utilizadas as versões cantadas em inglês. É óbvio que teria demandado mais trabalho por parte da equipe de dublagem, porém, seria muito divertido ter visto as músicas no nosso idioma. A mesma reclamação pode ser feita em relação às cenas de rap em Devilman Crybaby, também da Netflix, que também não foram adaptadas para o português, o que foi um desperdício já que temos tantos rappers talentosos presentes na cena cultural brasileira e muitos talentos musicais ainda a serem descobertos.

Pois é, Aggretsuko é mais do que uma animação fofinha da Sanrio, como geralmente se espera da empresa responsável por nos trazer Hello Kitty. Jovens adultos, empregos ruins, crises existenciais, frustração e formas de lidar com estes sentimentos ruins são os pilares que constroem a animação de Aggretsuko, e se você se encaixa em qualquer uma destas categorias, vale a pena conferir os guturais e as encrencas de Retsuko na Netflix.

Acompanhe nossas redes sociais: FacebookInstagramTwitter YouTube!